Ponto Um
Gazeta de Limeira

Ponto Um

28/09/2018 - Colunas

Colunas


Semente enroscada

 

Faz muitos anos fui convidado para um churrasco por alguns amigos de um núcleo político. Como jamais filiei-me a qualquer partido devido às minhas atividades profissionais, certamente declinaria de qualquer convite caso acontecesse. Topei mesmo por curiosidade, para saber como eram suas estratégias e como construiriam suas candidaturas. O encontro foi agradável, repleto de discursos inflamados e, ao sair, caminhando ao lado do saudoso amigo Pardal, ouvi de outro participante o que classificaria de “bons presságios”. Disse-me: “as conversas foram muito proveitosas; acho que jogamos uma semente ao solo!” No estacionamento, porém, Pardal cunhou essa máxima, até então desconhecida por mim. Do alto de sua experiência, observou-me o seguinte: “nem sempre as sementes caem diretamente no solo; muitas delas se enroscam nas folhas e precisam de vento para cair. Também no chão, nem todas germinam, pois aguardam a chuva e os cuidados na natureza”. Portanto, sempre quando me deparo com alguma ideia embrionária, empresto esse raciocínio para relativizar seu alcance: trocando em miúdos, seu tempo de maturação. Observando a história é possível coletarmos inúmeros exemplos de sucesso ou, ao contrário, de boas ideias que simplesmente não ganharam adesão ou, o que está na moda hoje em dia, impulsionadores. É evidente, isso não lhes rouba o mérito, pois o lado operacional sempre é mais complicado. Do contrário, como trabalhariam arquitetos e engenheiros? Projetistas e mecânicos? Há infinitas situações simbióticas, mas voltemos às sementes. Em sua edição de amanhã, esta Gazetareedita uma campanha nascida há exatos oito anos, com o objetivo de esclarecer eleitores de um modo geral. Mais ainda, lembrá-los que, mesmo diante de tamanhas incertezas, o direito ao voto é um instrumento necessário para a dinâmica democrática, coadjuvante indissociável na representatividade popular. A partir de amanhã, portanto, serão prestados esclarecimentos e oferecidas dicas para a boa condução do processo eleitoral. Na última vez que plantamos, a árvore não nasceu. Infelizmente, a pouco mais de uma semana do dia da votação, denúncias contra candidatos locais abalaram a confiança de milhares de eleitores. Ou seja, a semente quase caiu. Retomamos a missão com o mesmo entusiasmo, agora auxiliados pela prática. Há quase quatro anos nosso município conta com um representante no Congresso Nacional, e os resultados de um esforçado mandato são reproduzidos, felizmente, em números. Mais que isso. Em pessoas atendidas principalmente na área da saúde, setor que não admite espera. São os frutos de uma semente. Esperamos e confiamos que nosso eleitorado bem observe os benefícios da representatividade local em seus diferentes níveis para, coletivamente, colhermos seus resultados.


Assine a Gazeta e
comece a pagar só daqui 30 Dias

Se você não é assinante, mas quer assinar a Gazeta e pagar somente daqui 30 dias: digite seu Nome e Telefone








Busca







Acompanhe




Capa do Dia

Download da Capa do Dia


Colunas


Ponto
Um

Dr Roberto
Lucato


Prisma
Rafael
Sereno


Telescópio
Gil
Vieira


Enfoque
José
Encinas


Percepções
Renata
Reis


Dois
Toques

Denis
Suidedos


Bate
Pronto

Ricardo
Galzerano

Em
Questão

Nani
Camargo


Panorama
Osvaldo
Davoli


Cine
Art

José Farid
Zaine


Web Classificados


Outras Manchetes




17/12/2018

Limeira tem outro acidente fatal envolvendo motocicleta


16/12/2018

Aumenta número de unidades com energia solar em Limeira


15/12/2018

Coleta seletiva não atinge 2% de resíduos recolhidos


Tido como pistoleiro, limeirense é preso no Paraguai


13/12/2018

Projeção é começar 2019 sem fila em creche, diz secretário