Peritos acham pólvora na mão de garoto morto em empresa
Gazeta de Limeira - Notícias de Limeira, Iracem´polis e Cosm&ocute;polis

Download da capa do dia:

Peritos acham pólvora na mão de garoto morto em empresa

Segurança | Local

17/05/2017

Denis Martins

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) recebeu nesta semana os resultados dos exames residuográfico, que analisa presença de pólvora, feitos nas pessoas envolvidas no homicídio de Yuri Henrique Januário da Silva, de 16 anos. Ele foi baleado e morto na noite do dia 1º, no pátio de veículos de uma empresa de guinchos, na Vila Labaki.
O delegado da unidade, William Marchi, solicitou ao Instituto de Criminalística (IC) análise nas mãos do adolescente, do vigilante que fazia a segurança da empresa e de outros dois jovens que invadiram a empresa junto com Yuri.
 



Leia a versão completa na edição impressa da Gazeta de Limeira

Compartilhe



Leia Também


Mulher acredita que ex deu moto a traficantes
21/09/2017

Um caso intrigante de furto de motocicleta chegou ao conhecimento da Polícia Civil na noite de terça-feira. A proprietária do veículo disse que o emprestou ao ex-marido, e acredita que ele tenha cedido a moto para traficantes. Ela disse que entregou a motocicleta, uma Yamaha Factor, ao ex-compa
Vítima denuncia prejuízo de R$ 14 mil com cooperativa
21/09/2017

Uma mulher procurou a Polícia Civil e denunciou ter tido prejuízos de R$ 14 mil com a cooperativa habitacional Boa Esperança cujas atividades já foram encerradas. A instituição era monitorada pela Prefeitura de Limeira desde 2016 por venda irregular de lotes e, no início deste ano
Jornada da Cidadania: 43 detentos recebem certidões de nascimento
21/09/2017

Começou ontem no Centro de Ressocialização (CR) de Limeira a Jornada de Cidadania e Empregabilidade, da Secretaria de Estado de administração Penitenciária (SAP), que, em parceria com o Conselho da Comunidade da Vara de Execuções Criminais de Limeira (CCVEC), promove ativid
"Gritos aterrorizantes" ajudam guardas na prisão de suspeito
21/09/2017

  "Gritos aterrorizantes". Essa foi a descrição de guardas civis municipais sobre a reação de uma mulher de 41 anos, que foi roubada na manhã de ontem no Jardim Mercedes. Os gritos chamaram a atenção do GCMs que, em seguida, viram a vítima cor



Gazeta de Limeira - Todos os direitos reservados.
Comercial: (19) 3404.3700 | Jornalismo: (19) 3404.3700 | Assinatura: (19) 3404.3700
Iracemápolis: (19) 3456.3462 | Cordeirópolis: (19) 3546.6341

Criado por Agencia M9